Gildo de Freitas

O homem, o personagem, o mito.
1ª RT - Porto Alegre - RS

Listagem Oficial De Músicas



01 - A Cachaça

Intérprete: Gildo de Freitas

Vou falar sobre a bebida
por que me veio na mente
eu vou expandir em verso
o que a minha alma sente
aconselhando esses moço
que ainda são inocentes
nem sabem que essa malvada
tem matado tanta gente

meninos vós a repare
quando encontrarem um vivente
com o rosto e os pés inchados
esse nem paladar sente
no inverno bebe em trago
esperando que esquente
no verão pra refrescar
por que o dia é muito quente

a cachaça deve ter
mil virtudes diferentes
faz alegre ficar triste
faz triste ficar contente
faz de um valente um covarde
faz de um covarde um valente
faz um rio todo chorar
faz um são ficar doente

depois que a cachaça toma conta de um pobre vivente
tira logo o apetite
deixa o corpo diferente
começa a ficar estranho
até dos próprios parentes
o sangue se vira em agua
e morre desgraçadamente
eu bebi,fiquei sabendo

desta bebida o efeito
pra quem nao bebe,não fuma
a vida tem mais proveito
sem jogo,morte,sem roubo
é um homem sem defeito
e se aceitar o meu conselho
Deus ficara satisfeito
Deus abençoe

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

02 - A Grande Perda do Brasil

- Intérprete: Gildo de Freitas

Dia 24 de Agosto teve o mundo um arrepio
Teve um sol mas muito fraco
Foi um sol fraco e sombrio
E os astros se enfumaçaram
Com gestos de quem sentiu
E mesmo não é pra menos
Foi este o pai da pobreza
Aquele que nos tratava
Com tanta delicadeza
Quem nos deu tanta alegria
E hoje só nos da tristeza
Morreste gaúcho velho
Porém deixaste pedido
Pra não morrer, não matar
Não ferir, não ser ferido
Vamos forçar pra cumprir
As ordens do falecido
Apesar de que todos sabem
Que os gaúchos não são mansos
Mas nois temos que deixar
A sua arma em descanso
Mas se não fosse esta carta
O Brasil tava em balanço

Dr. Getulio me atenda
Este pedido que eu faço
O povo aqui não têm força
Sem a cana do teu braço
Peça licença pra Deus
E nos governe do espaço
Oh meu Deus esse gaúcho
Que foi pro seu e não vêm
Já governou quinze anos
Até cego sabe bem
Tinha força pra matar
Mas nunca matou ninguém

E por ele se matar
O Senhor dê o perdão
Porque ele se matou
Para não ver revolução
E já nasceu com esse instinto
Morrer sim, matar não
Tu no céu nois na terra

Hoje tudo mundo fala
Que teu pobre coração
Não merecia está bala
E o Brasil custa a encontrar
Um homem da tua iguala

Descansa Gaúcho velho
Tu no céu e nois aqui
E eu peço que Deus me atenda
Faça está praga cair
Dê-lhe uma cãimbra na língua
Nos que falavam de ti
Foi-se o homem do cavalo
Do chapéu das abas largas
Hoje este Brasil sem ele
Serão coisas muito amargas
Vamos rezar pela alma
Do Doutor Getulio Vargas

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

03 - A Mula do Falecido Palmeira

Intérprete: Gildo de Freitas

Pra mulão de qualidade só sendo a minha tostada
A mula me conhecia eu até pela pisada
Tinha uma franja bem grande de cola e crina aparada
Ganhou uma vez numa festa uma figa pra cabeçada

Eu cheguei a injeitá três mula pela tostada
Tinha uma mula picaça das quatro pata calçadas
Tinha uma mula rosilha e outra vermelha dourada
E eu arrespondi pro dono não me agradei da mulada

Quem vê eu contar a história pouco crê e dá risada
Mais a mula merecia por ser bem assinalada
Tinha uma estrela na testa pela natureza dada
Parecia a Estrela Dalva sinalando a madrugada

Hoje se eu deito eu não durmo é me lembrando da
coitada
Vou contar pelo que foi minha mula foi roubada
Agarrei a minha pistola com bala bem azeitada
Abandonei o meu rancho saí campeando a tostada

Eu me encontrei com o ladrão a cada de tempo na
estrada
Vinha vindo numa mula magrinha e mal encilhada
A mula me conheceu ali ficou empacada
Pela estrela eu conheci que era a minha tostada

O ladrão de prevenido fez a primeira pegada
Puchemo as pistola junto e as balas foram trocada
Uma bala eu peguei nele outra bala peguei na tostada
E a pobre da minha mula teve um fim triste na estrada

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

04 - A Vida de Rodogério Santana

Intérprete: Gildo de Freitas

Senhores prestem atenção nos meus tempos de guri
Eu tinha só doze anos quando a minha mãe perdi
Meu pai me deu pra um amigo, mas eu não me convenci
Tive dois anos com ele
O amigo do pai, aquele, e um certo dia saí.

Sai na calma com paz um bom gaúcho não erra
Me despedi de Uruguaiana a minha querida terra;
E eu já tinha dois cavalos leviano pra subir serra
E para tirar uma prova
Me ajustei na Estância Nova do senhor Olimpio Guerra.

Por lá também foi dois anos cumprindo a missão sagrada
Mas sem nunca refugar rigor de lidas pesadas
Enfrentando o Minuano, Sol torrantes com geadas
Saindo de um montando noutro
Quebrando queixo de potro nos dias de gineteada.

Fui gauderiar noutros pagos sem falha de honestidade
Assim passou mais dois anos e eu cheguei naquela idade
De ter que dar uma prova da minha brasilidade
E de acordo com a lei
Sentei praça e me fardei sempre de boa vontade.

Por lá estudei um pouco no bom pensar de rapaz
Até hoje me arrependo não ter estudado mais
Porém cumprí meu dever, Deus do céu sabe o que faz
Saí bem documentado
E um pouco falquejado pelos bancos colegiais.

E vim direto a estância quando saí do quartel
Como General Serafim, neste tempo Coronel
Um home que pra o Brasil foi sempre honesto e fiel
Eu dele fui empregado
E de lá sai casado, fiz um bonito papel

Hoje vivo sorridente, ao lado de Maria
Que Deus me deu por esposa para me dar alegria
Já não sou mais tão pobrinho, eu tenho um gado de cria
Eu em capricho eu reservo
E amor na china conservo sempre em minha companhia.

Assim vou adquirindo vivendo mais satisfeito
Eu a esposa e os filhos abraçado no respeito
Sou Rodogério Santana, sou sério, bato no peito
Dou prazer pra meus amigos
Por isto é que eu sempre digo ser pobre não é defeito

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

05 - A Vida do Romão Vieira

Intérprete: Gildo de Freitas

Me chamam Ramão Viera
Me considero um guri
Tenho dezenove anos
E já muito progredi
Meu pai era um capitão
Com nove anos perdi
Por isso o meu sofrimento
Já começou por ali

Lá nas terras missioneiras
Foi o lugar que eu nasci
E ao lado da minha mãe
Quatro anos convivi
A morte também a levou
Me deixando por aqui
E a minha irmã mais velha
Ficou de encarregada

Recebia do governo
E tratava a criançada
E eu meio assim de escapada
Resolvi pegar a ponta
Sai que nem mosca tonta
Num sentimento profundo
E me joguei contra o mundo
Pra viver por minha conta

Passou a ficar mais feio
Quando de casa sai
Dormindo em ranchos alheios
Só eu sei como me vi
As vezes que fui ralhado
Escutei não respondi
Sempre com bons pensamentos
E com bom procedimento

Lutei na vida e venci
E hoje graças a Deus
Estou ganhando dinheiro
E seguindo meus estudos
Para ser bom brasileiro
Eu sou cumpridor da ordem
E gosto, do homem ordeiro
Por bondade e inteligência

Assumi a presidência
De chefe dos motoqueiros
Respeito a mulher casada
E a menina solteira
Eu acompanho o balanço
E gosto da brincadeira
Eu vivo na capital
Mas a minha terra natal

É na divisa da fronteira
E lá pra terra missioneira
Com todo desembaraço
Recebam lá o abraço
Do amigo Ramão Viera

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

06 - Abre o Olho Amigo

Intérprete: Gildo de Freitas

É isso rapaziada
Vamo fala um pouco da vida alheia
Abre o olho com amigo falso
eu que sei o que quero.


Se você hoje encontrar um conhecido
Sem grana desprevenido ali já um perigo
Porque ele chega lhe tratando com carinho
Depois lhe diz baixinho: -me defende meu amigo

Naquela hora o senhor serve o parceiro
Ele gasta o dinheiro que pra ele tanto faz
As vezes volta quando o tipo é descarado
Não paga o emprestado e ainda lhe pede mais

Abre o olho amigo, com está palavra de amigo
Porque um amigo falso é um tremendo perigo
Abre o olho amigo, com está palavra de amigo
Porque um amigo falso é um tremendo perigo

É isso mesmo, têm nada não, eu sei porque

Conheço um amigo falso depois que agarrou o dinheiro
Ficou tão mal amigo.
Certos amigos de visita todos os dias
Te tratando com alegria e anda contigo abraçado
Mas de repente forma uma historia triste
De coisas que nem existe lhe pede algo emprestado

E eu garanto que este algo é dinheiro
Você serve o companheiro, se meteu noutro perigo
Ele lhe deixa pior do que mosca tonta
Não lhe paga a sua conta e ainda fica sei inimigo

Abre o olho amigo, com está palavra de amigo
Porque um amigo falso é um tremendo perigo
Abre o olho amigo, com está palavra de amigo
Porque um amigo falso é um tremendo perigo

Bem assim mesmo, eu que sei o que quero
Outra volta gaiteiro


Até o cão que sempre foi bom amigo
Aquele não têm perigo porque não é traiçoeiro
E têm razão de traiçoeiro não ser
É porque não sabe ler e não conhece dinheiro
Mas se ele aprende o valor que a grana têm
Vai ficar falso também bem assim conforme eu digo
Aí na hora que precisares socorro
E chamares o teu cachorro, não é mais teu amigo

Abre o olho amigo, com está palavra de amigo
Porque um amigo falso é um tremendo perigo
Abre o olho amigo, com está palavra de amigo
Porque um amigo falso é um tremendo perigo

Vamô encerra rapaziada e é isso mesmo!

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

07 - Abre o Olho Rapaz

Intérprete: Gildo de Freitas

Teixeira anda dizendo que quando matei uma Jibóia
eu entrei pela boca da cobra e sai lá nem sei por
donde seu)


Essa história de Jibóia
Que o Teixeira tem contado
Que a Jibóia me engoliu
Mas não foi por descuidado
Ela abriu-se eu saltei dentro
Depois cheguei lá no centro
Pra descansar um bocado
Mas naquela mesma hora
Ela abriu-se eu saltei fora
Mas, porém do mesmo lado

Comigo não têm esse negocio de entrar em picada e
procurar atalho seu)


O Teixeira não te mete
Fazer o que o ?Freita? faz
Tu nem deve de chegar
Perto desses animais
Pode alguma Sucuri
De lá sai e te engoli
Tu abre o Olho Rapaz
Já na entrada tu cai
Depois o senhor não sai
Nem por diante e nem por traz
Não te mete Teixeira!

Tu deixa pra o Gildo Freita
Que é de raça destemida
E a minha carne por cobra
Ainda não foi mordida
Coragem eu tenho de sobra
Não é a primeira cobra
Que eu já deixei sem vida
Eu não sou o Teixeirinha
Que enxerga qualquer cobrinha
Corre fazendo ladainha

E agora Teixeirinha
Vou botar banca pra ti
Se na outra encarnação
Você vier cobra pra qui
Não venha com idéia louca
De vir abrindo a boca
Pensando de me engoli
Tu abrindo a boca eu entro
Mas vou de espora pra dentro
Que é só pra judiar de ti
E de depois que eu te judiei
Eu vou sair por onde entrei
Que é pra ver o povo rir...

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

08 - Acordeona

Intérprete: Gildo de Freitas e Milton José

De madrugada quando dia vem raiando
Eu to tomando no meu rancho chimarrão
E pra tristeza não ser muita no ranchinho

A acordeona faz carinho e alegra meu coração
Ah acordeona tu te recorda da tua dona
Ah acordeona tu te recorda da tua dona


Quando enxergo teu retrato na parede
Eu fico doido perco a sede me deito não tenho sono
Minha acordeona reconhece a pobrezinha
Que a gaúcha que era minha ta na mão do outro dono

Ah acordeona tu te recorda da tua dona
Ah acordeona tu te recorda da tua dona


Minha acordeona quando toca sempre diz
Que ao infeliz também chegará seu dia
Se acordeona disser isso com certeza
Leve a tristeza e depois traga a alegria

Ah acordeona tu te recorda da tua dona
Ah acordeona tu te recorda da tua dona


Eu já te amei como os anjos amavam a lira
Eu já te adorei como anjos adoram a Deus
Mas não enxergo em teu olhar esperança
Até nem quero ser feliz nos braços teus

Ah acordeona da um desprezo na tua dona
Ah acordeona da um desprezo na tua dona

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

09 - Agradeço a Jesus

Intérprete: Gildo de Freitas

Obrigado Senhor Jesus Cristo
Pelo que o Senhor fez pra mim
Minha vida que era espinhosa
Transformaste em flor de jardim
A doença que tinha meu corpo
Jesus Cristo agarrou, deu um fim
Quem vivia tristonho e chorando
Hoje vive cantando assim:

Obrigado, Senhor Jesus Cristo
Tudo que o Senhor fez por mim.

Eu agradeço também a Jesus
Dos meus erros que fui perdoado
Tive horas de tanta tristeza
E hoje tenho Jesus do meu lado.
Reconheço que fui pecador
E que tive perdão dos pecados
E voltei a cantar novamente
Da doença já fui libertado.

Só me resta dizer a Jesus
Obrigado, Senhor obrigado.

Oh, Cristo cantando lhe peço
Que me faça esse grande favor
Deixa eu transmitir alegria
Já que eu sou seu filho cantor
Porém sempre de bom pensamento
Que eu jamais seja um malfeitor
Que eu receba e transmita o que é bom
Sem jamais ofender ao Senhor.

Quem ouvir receba de mim
Alegria, a paz e o amor

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

10 - Aguardo Sua Visita

Intérprete: Gildo de Freitas

Se um dia fores lá no meu ranchinho
Ver a beleza que eu tenho por lá
Se tu entrares nele um bocadinho
Periga até tu nem querer voltar.
Eu precisava que fosses lá
Dar-me o prazer com a tua visita
Pra ver de perto o meu papagaio
Dizer bobagens para as caturritas.

Tomar o leite da vaca brazina
E ver o porco gordo no chiqueiro
Ver a parreira do lado do rancho
E as galinhas gordas no terreiro.
E uma horta que plantei no fundo
Ver o jardim que eu plantei na frente
Ver meu cavalo que é o melhor do mundo
Beber a água da minha vertente.

A água clara parece platina
E nasce mesmo bem no pé da serra
Assim Deus queira que você menina
Vendo as belezas lá da minha terra.
E um rancho humilde é de pau a pique
Mas com capricho, eu mesmo que fiz;
E dona dele, quero que tu fique
Que assim nós dois seremos felizes

Tem galinhada, vaca, porco gordo
Pra se comer tem tudo que se quer
porém só falta tu entrar de acordo
Que rancho gaúcho precisa mulher.
E queira Deus que seja nossa sina
De eu entregar-te aquele ranchinho
Eu casarei com você menina
E deixarei de viver sozinho
E só isso que eu venho a procura
Que eu tenho fartura, mas falta carinho

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

11 - Ajudando a Medicina

Intérprete: Gildo de Freitas

Eu sofri muito por causa do cigarro
Eu sofri mesmo dum modo esquisito
A nicotina me engrossou o sangue
Me abafou o peito e me deixou aflito
E que eu ia passar essa prova
A medicina já tinha me dito
Que se eu quisesse durar mais um pouco
Que eu não fosse louco e largasse do pito

Se divulgarem em todos os programas
Está mensagem que o meu verso trás
É muito bom que alerta o povo
Do mal tremendo que o cigarro faz
A sua tosse vai se terminar
E o seu bronco funcionar em paz
E se achar o meu verso bonito
Tome o conselho e abandone o pito
Sossegue o pito e não pite mais

Faz pouco tempo que eu descobri
O mal tremendo que o cigarro faz
E o Brasil precisa de homens fortes
E não de um moço julgado incapaz
E todo velho que não foi fumante
Ele faz tudo o que um moço faz
Eu dormi muito e acordei agora
Joguei com raiva o meu pito fora
Sosseguei o pito e não pito mais

Você ai que está sofrendo
Desta maneira triste como estais
Com este forte aborrecimento
E ainda dando suspiros e ais
Impressionado com o teu cansaço
Viveres muito eu sei que não vais
Porque não tomas um chá de capricho
Porque não joga o cigarro no lixo
Não sossega o pito e não pita mais

Eu venho sim aconselhando o povo
De toda desgraça que o cigarro traz
Quanto mais você emagrece
Mais enriquece as casas funerais
Pelo cigarro que vai se queimando
Tantos penando nos hospitais
E é por isso que eu acho importante
É nois unir e não ser mais fumante
E num grito só não pitamos mais

Vamô parar de pitar moçada e encerra!

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

12 - Alerta Geral

Intérprete: Gildo de Freitas

Lá pras bandas de Taquara e Santa Cristina do Pinhal
Deu-se uma história tristonha sobre a vida de um casal
A mulher fugiu de casa com seu Fulano de Tal
E trocou pela falsidade o seu viver colonial
Seu filhinho com dez anos na idade colegial
E ficou coitadinho sem ter da mãe um carinho
E seu pai sofrendo igual e o menino foi crescendo
Aborrecido, sofrendo com a dor daquele punhal
E o seu pai do mesmo jeito, sentia dentro do peito
Pouca força de moral
O resto vai ser cantado num simples verso rimado
Vejam que triste este final


E o menino sempre sempre perguntava
Por sua mãe para o seu querido pai
A minha mãe foi embora pra cidade
E o senhor buscá-la quando vai?
O pobre pai para acalmar o seu filho
Muito tristonho era assim que respondia:
Os anos passam e você vai ficar moço
Vai a cidade ver a sua mãe um dia

Com esta resposta o menino foi crescendo
Seu coração sempre muito apaixonado
Porque a saudade que sofria pela mãe
É quem mantinha seu viver impressionado
E foi a ponto que este infeliz coitadinho
Sem um carinho vivendo assim recalcado
Pegou uma corda e amarrou no pescoçinho
E quando acharam tinha morrido enforcado

Parece até que aquela mesma corda
Tão assassina que não teve piedade
Fez uma armada prendendo a própria mãe
Trouxe de volta pra mesma localidade
Chegando em casa para rever o seu filho
Arrependida quase louca de saudade
Ao receber aquela cruel notícia
De revorciada perdeu a mentalidade

Esta letrinha que eu gravei com sentimento
Tão esporeada não foi pra ganhar dinheiro
Eu peço a Deus que esta minha inspiração
Penetre mesmo por este mundão inteiro
Que todas as mães que existirem neste mundo
Principalmente neste meu solo brasileiro
Não abandonem seus lares abençoados
Deixando os filhos em tamanho desespero

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

13 - Amor Correspondido

Intérprete: Zezinho e Darci Reis Nunes

Eu gostei de você gauchinha
Eu gostei do gaúcho também
Porém quero que sejas só minha
Serei tua e de mais ninguém

Pois da resposta eu estou me agradando
Se você sustentar o que diz
Bem assim eu estava pensando
Tendo calma que o rancho eu já fiz

Se disseres pra mim com certeza
Que é só meu e de mais ninguém
Eu me entrego por tuas proezas
Viverei só pra você também

Me entreguei pra você gauchinha
E eu também pra você gauchinho
Foi como prova que pode ser minha
Vamos agora lá pra o teu ranchinho

Pois dê a mão, salte aqui na garupa
Vamos embora lá pra minha terra
Galopando chegamos num upa
E o nosso rancho é na beira da serra

Vou embora contigo é pra já
Lá pra serra pra onde tu vai
E eu prometo em seguida voltar
E contar a história aos teus pais

Nós os dois naquele ranchinho
Vai haver alegria entre nós
Viveremos cantando juntinho
Em primeira e segunda de voz

Nós os dois naquele ranchinho
Vai haver alegria entre nós
Viveremos cantando juntinho
Em primeira e segunda de voz

Larará lará lará laram laram lará lará

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

14 - Apaixonite Aguda

Intérprete: Gildo de Freitas

Gaúcha você não sabe no meu coração não cabe
A dor cruel que eu sofri
Da carta que me mandaste tu quase que me mataste
nem sei porque não morri
Agora ouve essas linhas vou ver se tu adivinhas
O quanto te quero bem tua devera escondia
Quero ser só tua um dia e não ser de mais ninguém

Eu ficaria contente com gesto mais sorridente
Pela resposta que fez se terminava a paixão
com meu pobre coração se acalmava outra vez
Se a resposta não vier assim conforme eu quiser
Eu sei como é que se faz
ponho no ouvido o revólver e minha causa resolve
eu não te incomodo mais
Vindo uma carta de luto leia com os dois olhos enxuto
Sem tortubiar os ouvidos
vem junto um retrato meu de um infeliz que morreu
por não ser correspondido
O teu coração ingrato quando ver o meu retrato
Vai chorar-te arrependido
Tu dizer trito sozinha a culpa foi minha a morte do falecido

Quero avisar-te porém que muito tempo inda tem
De salvar-se um sanfoneiro
Só basta tu resolver casar comigo querer
Pronto estou salvo ligeiro
Sanfona vai-te fechando que eu já expliquei
Cantando tudo o que eu hei de fazer
Agora vamos embora devendo esperar a hora
Se é pra casar ou morrer

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

15 - Aventura de um Gaúcho

Intérprete: Gildo de Freitas e Carlos A. M. Pereira

Foi em novembro de sessenta e sete
Do Meu Rio Grande fiz a despedida
Deixei meu Pai deixei meus irmãos
Também deixei minha mãe querida
No dia nove de manhã bem cedo
Às cinco horas foi minha partida
Santo de casa não faz milagre
Eu precisava melhorar de vida

Quem não arrisca não petisca moçada!

Meu Pai amigo ao me dizer adeus
Ele fingia que estava contente
Porém seus olhos me diziam tudo
Que dor cruel para o coração da gente
Minha mãezinha disse adeus sorrindo
Notei seu rosto ficar transparente
Como quem diz meu querido filho
Por quanto tempo ficaras ausente

É brabo meus amigos a retirada de perto da mãe

Dei rédea ao pingo e acenei com a mão
Fiz a partida de um aventureiro
Peguei a china carreguei comigo
Com piazito filho e companheiro
E levei junto a minha sanfona
Porque tocando se ganha dinheiro
Às nove horas do dia dez
Dei com costado no rio de Janeiro

Que maravilha!

Cheguei no Rio sem conhecer ninguém
Bombacha bota e pala atirado
Os cariocas que são bons amigos
Me dedicaram um abraço apertado
Me perguntaram qual era o meu pago
arespondi entusiasmado
Sou do Rio Grande puxei da sanfona
E dançava gente por todos os lados

Eta indiada que boleavam os quarto bonito!

Eu hoje vivo aqui bem distante
Só não esqueço o meu velho Rincão
Rio de Janeiro tem tudo que é belo
É grande alvo de admiração
Maravilhosas praias de banho
Não faz inverno tudo é verão
Eu sou gaúcho de nascimento
Sou carioca de coração
Eu sou gaúcho de nascimento
Sou carioca de coração

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

16 - Baile de Respeito

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

17 - Baile dos Cabeludos

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

18 - Baile No Chico Torto

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

19 - Brasil Prá Frente

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

20 - Briga de Casal

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

21 - Briga no Carreiramento

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

22 - Brincando com a Rima

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

23 - Brincando Com as Mulheres

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

24 - Caçador de Bom Gosto

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

25 - Cachorro Abandonado

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

26 - Campereada de Amor

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

27 - Cantando Em Outro Estado

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

28 - Cantando Prá Lua

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

29 - Carta pra Mamãe

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

30 - Casamento Infeliz

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

31 - Cigana

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

32 - Cinco Comparações

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

33 - Cinco Mulheres

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

34 - Companheira Amiga


Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

35 - Conformação de Filho

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

36 - Confusão No Baile

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

37 - Conhecendo o Brasil

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

38 - Conversando com a Viola

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

39 - Definição das Pilchas

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

40 - Definição do Grito

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

41 - Desafio Amigável

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

42 - Desafio De Memórias

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

43 - Desafio de Um Paulista e de Um Gaúcho

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

44 - Desafio do Padre e o Trovador

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

45 - Casinha do pé de Umbu

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

46 - Despedida do Rio Grande

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

47 - Dizem que o Poeta É louco

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

48 - Do Outro Lado da Estrada

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

49 - Dois Poderes

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

50 - Duas Mães Perdidas

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

51 - É Assim Que Eu Sou

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

52 - Escola do Mundo

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

53 - Espantem a Tristeza

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

54 - Estrada da Vida

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

55 - Eu Não Sou Convencido

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

56 - Eu Reconheço Que Eu Sou um Grosso

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

57 - Faca Prateada

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

58 - Faça Sorrir a Criança


Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

59 - Falso Juramento

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

60 - Feliz Caçada

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

61 - Figueira Amiga

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

62 - Filho Abandonado

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

63 - Filho da Natureza

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

64 - Filho Sem Coração

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

65 - Fiz Uma Moça Chorar

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

66 - Frente Única

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

67 - Gaúcho Bom É Assim

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

68 - Gaúcho Cantador

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

69 - Gaúcho Caprichoso

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

70 - Gaúcho de Vergonha

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

71 - Gaúcho Fracassado

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

72 - Gaúcho Guapo

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

73 - Gostei Lá do Paraná

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

74 - Grande Brasil

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

75 - Histôria de João Manoel

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

76 - Histôria de Um Fazendeiro

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

77 - Histôria do Manuelito

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

78 - Histôria dos Passarinhos

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

79 - Homem Feio e sem coragem não Possui Mulher Bonita

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

80 - Homenagem a Um Amigo

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

81 - Homenagem a Um Artista

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

82 - Homenagem à Uruguaiana


Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

83 - Ignorância e Cultura

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

84 - Infância Pobre

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

85 - Inspiração de Poeta

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

86 - Já Dormi Em Cemitério

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

87 - João de Barro

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

88 - Laranjeira

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

89 - Lembrança do Passado

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

90 - Levante os Olhos Menina

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

91 - Marinheiro Apaixonado

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

92 - Matando a Saudade

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

93 - Me Enganei com Você

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

94 - Mensagem Final

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

95 - Meu Conselho

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

96 - Meu Princípio

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

97 - Meu Sofrimento

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

98 - Meu Xote Amigo

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

99 - Minha Vivenda

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

100 - Morena Arrependida

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

101 - Morena de Santana

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

102 - Mula Preta

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

103 - Mulher Aventureira

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

104 - Na Casa do Chico Torto

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

105 - Não Dê um Presente Errado

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

106 - Não Enjeito Proposta


Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

107 - Não Me Faças Sofrer

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

108 - Não Mexa Com quem está quieto

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

109 - Não Posso Dizer Teu Nome

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

110 - Não Posso Viver Sozinho

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

111 - Nós Todos Somos Iguais

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

112 - O Cachorro e o Tatu

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

113 - Oração de São Jorge

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

114 - Pedidos de Um Gaúcho

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

115 - Percorrendo o Rio Grande

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

116 - Pingo Branco

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

117 - Pingo Tordilho

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

118 - Pinheiro Sagrado

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

119 - Por Ser a Vida Um Espelho

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

120 - Prenda Linda

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

121 - Promessa Pra Seca

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

122 - Proteção às Mães

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

123 - Prova de Amor

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

124 - Prova de Repentista

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

125 - Que Jeito tem a Mariana

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

126 - Que Negrinha Boa

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

127 - Quero Estar Perto Dela

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

128 - Quero Ver Minha Mãe

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

129 - Rancho de capim Barreado

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

130 - Rancho Sem Vida


Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

131 - Rancho Vazio

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

132 - Recordação do Passado

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

133 - Rei da Caçada

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

134 - Rei do Improviso

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

135 - Resposta ao Cachorro Recalcado

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

136 - Resposta da Adaga de Ésse

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

137 - Resposta da Milonga

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

138 - Resposta do Facão de Três Listas

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

139 - Resposta do Relho Trançado

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

140 - Retorno do Papai

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

141 - Rodeio Gildo de Freitas

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

142 - São Jorge, Seja Meu Guia

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

143 - Saravá Pra Ti

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

144 - Saudação Aos Afilhados

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

145 - Saudade de Alegrete

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

146 - Saudade de Minha Terra

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

147 - Saudade de Vacaria

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

148 - Saudade dos Pagos

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

149 - Sem Você Não Sou Feliz

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

150 - Sentimento de Viúvo

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

151 - Show do Gildo

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

152 - Sinais do Tempo

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

153 - Sistema dos Pagos

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

154 - Sombra da Cestia


Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

155 - Sonhei Com Você

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

156 - Sonhei Que Fui ao Céu

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

157 - Sonho de Criança

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

158 - Sonho de Grosso

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

159 - Tempo de Escravidão

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

160 - Todos Devemos Rezar

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

161 - Trança de China

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

162 - Três Amigos e uma Saudade

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

163 - Três Tormentos

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

164 - Triste Fato

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

165 - Triste Passado

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

166 - Trova do Gildo

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

167 - Trovador dos Pampas

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

168 - Valsa das Marias

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

169 - Valsa dos Artistas

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

170 - Vaneirinha Gaúcha(instrumental)

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

171 - Venha Comigo Mariquinha

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

172 - Vida Brava

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

173 - Vida de Camponês

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site

174 - Vida de Tropeiro

Clique nos controles para ouvir a música

Voltar Para A Listagem De Músicas
Voltar Para O Início Do Site
XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX